Mostrando 18641 resultados

descrição arquivística
Dossiê
Opções de pesquisa avançada
Visualização de impressão Ver:

48 resultados com objetos digitais Mostrar resultados com objetos digitais

Pombal

Apresenta imagens retratando o Pombal desde a sua construção, contendo vista geral, além de alguns detalhes arquitetônicos da sua construção. Contém também imagens dos biotérios para pequenos animais em experiência e vista das gaiolas.

Memória e história da hanseníase no Brasil através de seus depoentes (1960-2000)

Reúne 46 entrevistas do projeto que teve como objetivo registrar as memórias e vivências de profissionais de saúde e de ex-pacientes de hanseníase. As entrevistas foram realizadas com personagens que trabalharam com a hanseníase de diversas formas como, por exemplo, na elaboração de políticas de controle à doença, na administração hospitalar, pesquisa básica, atendimento às populações atingidas e etc., ou dos que padeceram com o diagnóstico positivo para a lepra/hanseníase e sua experiência com o adoecimento e o isolamento imposto como prática médica até as décadas de 1960 e 1970. Com estas entrevistas é possível recuperar aspectos como: as estratégias de sobrevivência numa época de grande estigmatização da doença; as dificuldades com a pesquisa básica pelas particularidades morfológicas do bacilo de Hansen; os diferentes tipos de medicamentos utilizados para controle da doença; a formação acadêmica; o surgimento de associações como a SORRI e o MORHAN; os embates entre a cosmética e a dermatologia sanitária, dentre vários outros aspectos relevantes.

A fala dos comprometidos: ONGs e AIDS no Brasil

Reúne 13 entrevistas com pessoas ligadas à organizações não governamentais destinadas à AIDS. O projeto, coordenado por Dilene Raimundo do Nascimento, buscou rastrear os caminhos percorridos por estes grupos, na medida em que a atuação junto aos soropositivos e à sociedade em geral adquiriu crescente relevância, tanto no que diz respeito à contribuição para políticas governamentais voltadas para a AIDS quanto à re-elaboração individual e coletiva da doença.

1995: 50 anos de criação do Conselho Regional de Medicina do Rio de Janeiro

Reúne cinco entrevistas de História oral realizadas no âmbito do projeto coordenado por André de Faria Pereira Neto, cujo objetivo foi recuperar a memória de criação do Conselho de Medicina do Rio de Janeiro (Cremerj) por ocasião do seu cinquentenário. A conjuntura de criação do Conselho situa-se entre a fundação do Sindicato dos Médicos em 1927 e a institucionalização definitiva dos Conselhos de Medicina no Brasil em 1957, quando foi promulgado o decreto-lei nº 3.268. Este projeto faz parte de uma pesquisa mais abrangente desenvolvida no Departamento de Pesquisa da Casa de Oswaldo Cruz que objetiva recuperar a História das Instituições, Políticas e Profissões de Saúde. Possui como instrumento de pesquisa um catálogo, além da descrição dos seguintes fundos documentais: “Fundo Sindicato dos Médicos” e “Fundo Álvaro Tavares de Souza”, localizados respectivamente no Arquivo do Sindicato dos Médicos do Rio de Janeiro e no Departamento de Arquivo e Documentação, da Casa de Oswaldo Cruz. As entrevistas foram realizadas entre 18/10/1994 e 18/07/1995.

A biotecnologia em saúde no Brasil

Reúne 14 entrevistas de História Oral. O objetivo do projeto foi analisar a trajetória científica e profissional de pesquisadores da Fiocruz que atuam na área da biotecnologia. A pesquisa integrou um projeto maior realizado pela Vice-Presidência de Desenvolvimento Institucional da Fiocruz em convênio com a Organização Pan-americana de Saúde, que visou promover uma série de estudos sobre o panorama das instituições de pesquisa em saúde na América Latina, particularmente no que diz respeito a novos mecanismos de gestão e novos padrões de inovação científica e tecnológica. Foram realizadas entrevistas com pesquisadores e dirigentes institucionais da Fiocruz cujas trajetórias profissionais estão diretamente relacionadas ao desenvolvimento da área de biotecnologia no Brasil e na instituição. Os depoimentos foram colhidos tendo como critério norteador os temas pertinentes à pesquisa, não se constituindo, portanto, em histórias de vida. As informações de natureza qualitativa, obtidas através das entrevistas, serviram como subsídio para a interpretação dos dados quantitativos resultantes de uma pesquisa realizada com o auxílio da plataforma Survey Monkey aplicada inicialmente, da qual participaram cerca de 100 pesquisadores vinculados à sete unidades técnico-científicas da Fiocruz.

Arquitetura - Casa de Chá

Apresenta imagens retratando aspectos arquitetônicos da Casa de Chá (refeitório de Manguinhos), desde seu interior, passando pela vista da mesma, além de retratar a obra de restauração a qual foi submetida. Em uma das imagens estão as seguintes personalidades: Henrique Aragão, Gustavo Giensa, S. von Prowazek e Oswaldo Cruz no interior da Casa de Chá.

Pavilhão Rockefeller

Apresenta imagens retratando o Pavilhão Rockefeller desde a sua fachada, passando pelo laboratório, vista privilegiada dos arredores, até seu interior.

Construção - Pavilhão Gaspar Viana

Apresenta imagens retratando a construção do Pavilhão Gaspar Viana – Hospital Evandro Chagas (Hospital de Manguinhos), do alicerce à construção concluída.

Pavilhão da Peste - Relógio e Aquário

Apresenta imagens sobre os estágios de construção do Pavilhão da Peste - Relógio e Aquário, como cocheira – enfermaria, laboratórios para o estudo da peste bubônica, interior dos laboratórios e baias para isolamento dos cavalos. Contém também imagens de diferentes ângulos das edificações: telhado, fachada lateral e casa de força.

Coleção Entomológica - Pavilhão Mourisco

A Coleção Entomológica do Instituto Oswaldo Cruz, citada como uma das mais importantes coleções de insetos do mundo, é retratada neste grupo de imagens, do laboratório e detalhes dos armários onde os insetos estão devidamente armazenados.

Resultados 1 a 30 de 18641