Piauí

Taxonomia

Código

Nota(s) de escopo

  • Estado da Região Nordeste do Brasil

Fonte

Exibir nota(s)

Termos hierárquicos

Piauí

Termos equivalentes

Piauí

  • Use para PI
  • Use para Piauí (PI)

Termos associados

Piauí

70 descrição arquivística resultados para Piauí

70 resultado(s) diretamente relacionado(s) Excluir termos relacionados

Ata da Reunião Tripartite – Programa das Nações Unidas para o desenvolvimento / organização Pan-americana de Saúde / Fiocruz; boletim informativo da Associação Brasileira de Educação em Enfermagem; ata de Fundação – Associação Brasileira de Pós-graduação em Saúde Coletiva; ajuste complementar de cooperação entre o governo da República Federativa do Brasileira o Governo da República Francesa no campo da pesquisa e da tecnologia biomédicas; programa de cooperação técnica Brasil-França; reunião de Quito – Programa Ampliado de Imunização

Inclui: Proposta de apoio a instituições nacionais de treinamento e pesquisa para fortalecer programas nacionais de imunização; carta de entendimentos entre o Governo do Brasil e a Organização Pan-Americana de Saúde; correspondência de missão francesa ao Brasil; convite da Universidade Federal do Rio de Janeiro ao diretor da ENSP para proferir conferência relativa ao tema “A Estratégia Mundial da Saúde e o Brasil”; folder deste fórum; ofício da Secretaria de Recursos Humanos, em anexo o programa; carta enviada ao Diretor da ENSP pelo representante da área V.OPAS / OMS encaminhando proposta de apoio a instituições nacionais de treinamento e pesquisa para fortalecer programas nacionais de imunização; proposta em anexo; carta do Presidente do Comitê de Mastologia de Federação Internacional de Ginecologia e Obstetrícia ao Diretor da ENSP, envio cópias de recomendações da Federação Internacional de Ginecologia e Obstetrícia para ações de encorajamento do aleitamento; Missão para a América do Sul pelo Diretor Executivo dos Fundos das Nações Unidas para fiscalização de abuso de remédio; carta enviada para o Diretor da ENSP pelo Diretor Executivo, encaminha em anexo programa da Missão.

Dossiê Assessoria de Planejamento

Resoluções, relatórios de atividades, ofícios, mensagens por fax, decretos, pautas de reuniões, comunicados, resumos de relatórios, solicitações de diárias, solicitações de serviços, autorizações de pagamentos, projetos, cartas, programas de eventos, ofícios-circulares, propostas, listas de delegados e participantes, listas de endereços, listas de presença, listas de instituições, atas de eleições, publicações: I Conferência Estadual de Saúde de São Paulo, abaixo-assinados, cadernos de protocolos, manifestos, memorandos-circulares, credenciais, memorandos, telegramas, ficha de inscrições, agendas, apontamentos, capas, convites, cronogramas, ensaios, normas, notas de considerações, prospectos, regimentos, regulamentos, roteiros de discussões, tabelas, telex, moções, declarações, recortes de jornais, bilhetes.

Dossiê Grupo de Trabalho de Articulação Estratégica

Relatórios de atividades, relatórios de reuniões, diários oficiais, ofícios, mensagens por fax, atas de reuniões, propostas, ofícios-circulares, comunicados, resoluções, listas de pagamentos, listas de delegados e participantes, listas de participantes do grupo de trabalho articulação, listas de distribuições de publicações, listas de endereços, listas de instituições, listas de distribuições de publicações, listas de endereços, listas de coordenadores e representantes, listas de participantes da comissão organizadora da 1ª conferência estadual de saúde de Sergipe, resumos, memorandos, tabelas sobre etapas estaduais, quadros demonstrativos, autorizações de pagamentos, autorizações de viagens, telegramas, convites, decretos, avisos, memorandos circulares, cartas, abaixo assinado, apontamentos, calendários de atividades, cronogramas, minutas de ofícios, moções, orçamentos, pautas de reuniões, programas de eventos, questionários, regulamentos, roteiros, telex, manuais, listas de estados que enviaram os relatórios finais, listas de presença, quadros demonstrativos de síntese de informações sobre etapas estaduais, quadros demonstrativos de convites para eventos.

Dossiê Serviço de Febre Amarela

Relatórios de atividades, artigos científicos, instruções, fotografias, mapas, Publicações: "A criação do serviço de viscerotomia para o diagnóstico da febre amarela e o primeiro viscerotomia", D.D.T no combate aedes-aegypti","Febre Amarella: Sua prophylaxia e o Stegomya aegypti", revistas (Revista de Higiene e Saúde Pública), diários, cartas, cartas-circulares, telegramas, ofícios, autos de inquérito, manuais, quadros demostrativos de dedetização no Brasil, censos, estudos de caso e portarias.

Edmar de Oliveira

Entrevista realizada por Anna Beatriz de Sá Almeida, Laurinda Rosa Maciel e Nathacha R. B. Reis, no Centro Psiquiátrico Pedro II, atual Instituto Municipal de Assistência à Saúde Nise da Silveira (Imas Nise), Rio de Janeiro (RJ), nos dias 24 e 31 de maio de 2000.
Sumário
Fita 1 – Lado A
Comentários sobre a importância do trabalho de história oral realizado com a pesquisa. A história de sua família, em Palmerais, Piauí; lembranças da infância, o trabalho do pai e o início de sua formação escolar. O curso ginasial no Colégio Americano Batista, em Terezina, Piauí; lembranças e casos, dificuldades e facilidades nos estudos. O ensino médio e a bolsa de estudos no Colégio Diocesano. Sua participação na fundação do jornal cultural Gamma; nomes de alguns colegas que participaram deste jornal como Arnaldo Albuquerque, Francisco Pereira e Paulo José Cunha.

Fita 2 – Lado A
A influência de Torquato Mendes em sua escolha pela área de Psiquiatria. A formação em medicina na Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Piauí, em 1977; sua participação como presidente do diretório acadêmico e no jornal da faculdade. A vinda para o Rio de Janeiro para fazer a Residência Médica em Psiquiatria, na UERJ, em 1976. A dificuldade de conciliação de suas atividades neste período; a militância política e os grupos de estudo. O mestrado no Instituto de Medicina Social, da UERJ, em 1984, onde cumpriu todos os créditos, mas não defendeu a dissertação. Suas atividades profissionais, as clínicas particulares em Tanguá, Jacarepaguá e Vilar dos Teles, no Rio de Janeiro. Comentários sobre o professor Robalino Tobodeti. Sua entrada na Colônia Juliano Moreira (CJM) para realizar um censo entre os pacientes.

Fita 2 – Lado B
Continuação dos comentários sobre o censo e os recursos da Campanha Nacional de Saúde Mental. A criação do Hospital Jurandir Manfredini para tratar os doentes agudos e impedir novas internações na CJM. As circunstâncias da contratação dos estagiários que trabalharam no censo. A população de pacientes e moradores que invadiram o terreno da CJM. Os primeiros problemas ocorridos em conseqüência das mudanças implantadas na instituição. Comentários sobre a crise política entre os dirigentes da CJM. Sua nomeação como Diretor do Ambulatório Central, do Centro Psiquiátrico Pedro II (CPP II), em 1984. As internações irregulares nas clínicas privadas. A união dos três hospitais, Colônia Juliano Moreira, Hospital Philip Pinel e Centro Psiquiátrico Pedro II, para a criação dos pólos de internação e emergência psiquiátrica para dificultar as internações, principalmente nas clínicas privadas. O trabalho de Juarez Montenegro Cavalcanti como diretor do CPP II. As circunstâncias de sua nomeação como Coordenador Geral de Saúde do CPP II, em 1986. A intervenção do Ministério da Saúde no CPP II nomeando Dr. Pedro Monteiro como diretor, em 1988.

Fita 3 – Lado A
Comentário sobre o artigo de Jurandir Freire Costa “Faca no peito”, contando a história do suicídio de um paciente do CPP II. Os conflitos causados durante a intervenção na CJM; as transferências de funcionários para outras instituições para minar a resistência. A intervenção na CJM. Sua experiência como Diretor do Instituto Psiquiátrico Adauto Botelho (IPAB), no CPP II. O trabalho de Luis Wanderlei e Nise da Silveira na enfermaria do CPP II, no programa Enfermaria Aberta ao Tempo (EAT). As circunstâncias de sua nomeação como Diretor do CCP II, em 1989. A demissão dos diretores das unidades federais no governo do, então, Presidente da República Fernando Collor de Melo; relato sobre acontecimentos curiosos ocorridos durante seu mandato. A criação do Conselho Diretor no CPP II para democratizar a instituição. A experiência de ensino na UERJ, em diferentes momentos de sua trajetória profissional.

Fita 3 – Lado B
O trabalho em 1991 no EAT usando a Literatura como tratamento terapêutico; o jornal O Grito, criado a partir deste projeto, que contava com a colaboração dos pacientes. A experiência de trabalhar com psicóticos no EAT.

Resultados 1 a 30 de 70